A IMPORTÂNCIA DOS ESPAÇOS ARQUITETÔNICOS COMO FERRAMENTAS CONTRA AS DESIGUALDADES DE GÊNERO

Beatriz Silva Macedo, Terezinha de Oliveira Gonzaga

Resumo


O presente artigo aborda a temática dos espaços arquitetônicos voltados para mulheres, sendo caracterizados como espaços necessários para a incorporação de ações afirmativas com o intuito contribuir para que se vença as desigualdades de gênero em um futuro próximo. É analisada através de uma recapitulação histórica, desde o passado remoto, onde nasce o conceito de gênero através da criação de estereótipos sexistas, momento em que as desigualdades de gênero foram inicialmente instauradas através da divisão sexual do trabalho, até os dias atuais, confrontando com questões contemporâneas como a dupla jornada de trabalho das mulheres. Dessa forma objetivou-se analisar a condição da mulher em relação à sua liberdade e seu direito à cidade, compreendendo seus papéis no âmbito público e o privado, questionando se de fato a igualdade existe nesses espaços urbanos. Por meio de análises de obras que abordam a temática de espaços voltados para as mulheres, procura-se analisar a relação estabelecida entre a arquitetura e urbanismo, o espaço e as relações sociais, bem como demonstrar a importância das políticas de ações afirmativas contra a desigualdade de gênero, sendo os espaços para mulheres instrumentos necessários para a luta contra as desigualdades de gênero, e a arquitetura criadora de afetos capazes de propiciarem transformações sociais, fortalecimento individual e coletivo.

Palavras-chave: Mulheres. Ações Afirmativas. Gênero. Arquitetura.

 

REFERÊNCIAS:

 

GONZAGA, Terezinha de Oliveira. A cidade e a arquitetura também mulher: projetos

arquitetônicos e gênero. São Paulo: Annablume, 2011. arquitetônicos e gênero. São Paulo: Annablume, 2011.

 

GOUVEIA, Taciana. Mulheres: sujeitos ocultos das / nas cidades/ 2005

 

PERROT, Michelle. Mulheres Públicas. Tradução Roberto Leal Ferreira. São Paulo: Fundação Editora da UNESP, 1998.

 

SCOTT, Joan. Gênero: uma categoria útil de análise histórica. Educação & Realidade, 20 (2), 71-99, 1995.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


UNIFEV - Centro Universitário de Votuporanga